ORAÇÕES feitas por Dom Antonino.

I – Oração a São José (Jubileu – 2003)

Glorioso São José,

A ti Deus Pai confiou a guarda dos dois tesouros mais excelsos: Maria e Jesus.

A ti confiamos a nossa Diocese de Coxim, para que a guardes, protejas e ajudes a se tornar uma igreja adulta.

Ajuda-nos pois:

– a estar sempre com Jesus para defender, testemunhar e transmitir a nossa fé;

– a dar valor à família, tornando-a uma verdadeira comunidade de pessoas que se amem,

como a Família de Nazaré.

– a trabalhar colaborando com Deus Criador na construção de um mundo melhor;

– a fazer de nossa igreja um sinal do Reino dos Céus.

Glorioso Padroeiro, ajuda-nos, com Maria, a encarnar o Evangelho de Jesus nestas terras sul-matogrossenses, prontos a dar a vida para testemunhar que Jesus é o único Salvador do mundo. Amém.

II – Vigília de Pentecostes 2007 – 1.

Senhor Jesus,

que nos chamastes as formar a Igreja Particular de Coxim

e nos estimulas sermos sinal de unidade entre nós

e com todas as pessoas de boa vontade,

dai-nos o teu Espírito, com os seus sete dons.

Ele abra os nossos ouvidos e o nosso coração

para fazer ressoar em nós a Tua Palavra;

para fazer experiência sempre mais profunda do teu amor;

para nos lançar na evangelização dos nossos irmãos.

Ajuda-nos a superar fechamento, medo, acomodação,

preguiça e toda sorte de mal,

para sermos tuas testemunhas no mundo de hoje

e levar a todos a beleza do teu Evangelho.

Impulsiona-nos no caminho da unidade:

entre pastorais, grupos e movimentos reine respeito e amor recíproco,

colaboração sincera e esforço de caminhar juntos.

Ajuda-nos a descobrir sempre melhor a nossa identidade como Igreja de Coxim.

Alimentados pela Tua Palavra e pelo Teu Corpo e Sangue na Eucaristia,

sejamos corajosas testemunhas do amor do Pai,

que, contigo e o Espírito, formais uma perfeita comunidade.

Amém.

2. (esta oração foi publicada).

Divino Espírito Santo,

que com o Pai e o Filho formais uma perfeita comunidade de amor,

vinde sobre nós, que fomos convocados a formar a Igreja Particular de Coxim.

Precisamos da Tua luz, para entender o que Jesus ensinou.

Precisamos da Tua Força, para sermos anunciadores do seu Evangelho.

Precisamos de coragem, para testemunhar, com a palavra e a vida, o seu nome.

Sabemos que o mundo de hoje, dilacerado por tantas guerras

e confuso por uma onda de relativismo,

precisa da mensagem de Jesus, Caminho, Verdade e Vida.

Escancara, então, as portas do nosso egoísmo, dos nossos medos, do nosso fechamento,

da nossa preguiça e acomodação – como escancaraste as do Cenáculo –

para podermos sair com a força que vem de ti e anunciar que Jesus é o

Único Salvador do mundo.

Ajuda-nos sermos construtores de unidade, entre nós na Igreja,

e no mundo, com todos aqueles que acreditam no bem.

Amém.

III – ORAÇÃO DAS SANTAS MISSÕES POPULARES.

Deus, nosso Pai,

a nossa Igreja de Coxim está convocada a fazer experiência do Teu amor, através das Santas Missões Populares. Sabemos que é tua vontade, que esta experiência não fique fechada e reservada para alguns, mas que seja testemunhada a todos os irmãos, especialmente os afastados.

Ajuda, pois, os nossos fiéis a abrir-se à missão, à acolhida, ao anúncio fora do Templo.

Estimula muitos a assumir as novas tarefas que esta caminhada exige.

Senhor Jesus,

Filho do Pai e nosso irmão, ensina-nos a sermos missionários como Tu o foste na Palestina, dois mil anos atrás.

Estejam em nós as atitudes presentes no teu agir:

Misericórdia com os pecadores – procura dos excluídos – amor aos pobres – coragem da verdade – perseverança nas dificuldades – confiança no Pai.

Deus Espírito Santo,

Ilumina as nossas mentes para compreender o que significa seguir Jesus no mundo de hoje;

dá-nos força para anunciar com fidelidade o Evangelho de Jesus e construir o Reino de fraternidade e de justiça, que Ele anunciou e realizou com a vida doada por amor.

A nossa Igreja seja sinal e antecipação deste Reino, onde Deus seja “tudo em todos” e onde teremos a companhia da Mãe Maria, primeira missionária, e de São José, nosso Padroeiro.

Amém.

IV – ORAÇÃO AO CRISTO REDENTOR.

Senhor Jesus, Redentor da humanidade, aceita a homenagem da nossa cidade de Coxim, que, colocando a tua imagem no topo do monte que domina a entrada do Pantanal, pede a tua proteção e a tua bênção.

Olhando logo em baixo a Universidade Federal e a Escola Técnica, ajuda-nos a procurar   cultura e sabedoria, para crescer no conhecimento das coisas e, sobretudo, aprender a viver.

Senhor Jesus, do alto do morro abençoa o Hospital Regional ilumina os médicos, os políticos e todos aqueles que trabalham com saúde a fazer o melhor, para que todos sejam atendidos com dignidade.

Olha as nossas periferias, onde falta muita coisa. Estimula quem deve agir a fazer a própria parte, para que melhorem as condições de vida de todos, especialmente dos mais pobres.

Olha a nossa BR 163, lugar de tantos acidentes; ajuda os motoristas a serem mais prudentes e vigilantes.

Olha as nossas Igrejas, de todas as confissões; ajuda-nos a nos respeitar, a sermos tolerantes, a evitar concorrência e suspeitas.

Olha o nosso rio Taquari e ensina-nos a respeitar o meio-ambiente, sabendo que a água é fonte de vida.

Senhor Jesus, abençoa as nossas crianças, os nossos jovens, as famílias, os idosos da nossa querida cidade de Coxim.

Abençoa aqueles que deram este belo presente à comunidade coxinense.

E lembra-nos de não estarmos preocupados só com as coisas desta terra, mas de olhar para o céu, que é a nossa verdadeira pátria. Amém.

V – Inauguração da Polícia Civil

(29-03-2006)

Senhor Jesus,

Nós te agradecemos por mais uma realização na nossa querida cidade de Coxim e na nossa Região Norte. Sabemos que toda coisa boa vem de ti e,por isso, te agradecemos.

Queremos te pedir que, através destes organismos,haja de verdade mais segurança nas nossas estradas, nas nossas casas, nas nossas escolas,em todo lugar.

Com os Profetas do A.T. e seguindo a mensagem de amor do nosso Mestre, sonhamos com um mundo de harmonia e de paz,onde não vai precisar mais de polícia.

“Jahvé julgará as nações, ele corrigirá a muitos povos.

Estes quebrarão as suas espadas, transformando-as em relhas

E as suas lanças, a fim de fazer podadeiras,

Uma nação não levantará a espada contra a outra e nem se aprenderá amais a fazer guerra” (Is. 2,4).

“O lobo morará com o cordeiro e o leopardo se deitará com o cabrito. O bezerro, o leãozinho e o gordo novilho andarão juntos e um menino pequeno os guiará.

Ninguém fará o mal” (Is. 11, 5-9).

Utopia?  Perdoa-nos, Senhor, se pensamos assim.

É fruto da nossa pouca fé e do nosso descompromisso.

Também , Senhor, neste momento, queremos acolher a advertência de Isaias:

“Ai dos que promulgam leis iníquas,os que elaboram rescritos de opressão

Para desapossarem os fracos de seu direito e privar da sua justiça os pobres do meu povo,

Para despojar as viúvas e saquear os órfãos” (Is. 10, 1-2).

Ajuda-nos, Senhor, a ir ao encontro daqueles que precisam mais, daqueles que não têm ninguém que os defenda. Ajuda-nos a lembrar sempre o tema da CF deste ano: Pessoas com deficiência. Que elas tenham as mesmas possibilidades de todos,para que nos sintamos e sejamos verdadeiramente irmãos.

Senhor, abençoa todos aqueles que vão trabalhar aqui. Dá para eles força, coragem, união.

E assim se realizará lema da bandeira brasileira: Ordem e Progresso. Amém.

Vi – Oração para o Laço comprido.

Ò Deus todo poderoso, Pai de todos nós,

Estamos reunidos para iniciar mais um encontro de laço comprido na nossa cidade de Coxim.

Te pedimos que seja um verdadeiro encontro de amigos e irmãos, que querem se divertir, estreitando os laços comunitários, fazendo memória das tradições antigas do nosso povo.

Ajuda-nos a viver na serenidade, harmonia e amor estes dias.

A presença da Bandeira do Divino seja sinal da nossa fé cristã, a fé vivida intensamente pelos nossos pais e que –alguma vez – colocamos em segundo plano.

As ocupações da vida não façam esquecer o que é mais importante: o amor, a família, os amigos, a honestidade, a vida.

Senhor Jesus, que destes a vida por nós, ajuda-nos a fazer da nossa vida e do nosso trabalho um serviço para os irmãos.

Divino Espírito Santo, dá-nos força para sermos fiéis aos nossos compromissos de vida cristã e, assim, vencer todos os obstáculos que encontramos no caminho, para chegar – um dia – à glória do Céu. Amém.

VII – Oração a Nossa Senhora da Esperança.

Ò Maria, Mãe daquele que trouxe esperança a toda a humanidade,

Nós te agradecemos pelos 15 anos do Projeto-Esperança.

Fazendo memória do início, agradecemos pela chegada das Irmãs na comunidade de Sonora.

Foi com elas que procuramos dar uma resposta ao grave problema da evasão escolar, numa época em que não existiam projetos públicos para isso.

Nós te agradecemos por nos ter acompanhado durante todo este período, cuidando das crianças e dos adolescentes.

Te pedimos: esteja sempre ao nosso lado, para que posamos proclamar – com a nossa vida – que seguir Jesus é fonte de esperança e de paz.

Ampara todas as crianças do mundo, especialmente as mais abandonadas.

Elas, broto de uma nova sociedade, façam surgir um futuro melhor.

Isso aconteça em Sonora e no mundo inteiro. Amém.

VIII – Oração a N.S.Aparecida. – 2011

Querida Mãe Maria,

O povo católico de Coxim, junto com todo o povo brasileiro,

neste momento está aos vossos pés, para implorar paz e proteção para todos.

Sabemos que, como mãe, as preocupações dos filhos são vossas.

Portanto a Vós recorremos, confiantes, com amor de filhos.

Ajuda as nossas crianças a crescer – como Jesus –  na idade, na sabedoria e na graça.

A catequese seja um momento agradável de crescimento na fé e na dimensão comunitária.

Os Sacramentos não sejam vistos como parentes na vida cristã, mas como etapas de um caminho que iniciou no batismo e vai terminar só com a morte.

Ajuda os jovens a encontrar o caminho certo para a verdadeira felicidade, vencendo as tentações de soluções fáceis, mas desviantes. Ninguém tenha a desgraça de cair no álcool ou nas drogas ou em outros caminhos errados.

Ajuda os casais a se amar de verdade, superando as inevitáveis dificuldades do dia a dia, colocando o Teu Filho Jesus e Sua Palavra como centro da vida.

Que entre pais e filhos exista o diálogo, que ajude a viver na serenidade e na harmonia.

Ajuda, ò Mãe, os nossos idosos a não se sentir inúteis e que ninguém os veja como um peso.

Neste momento de Santas Missões, pedimos por todos os animadores, coordenadores, mensageiros e missionários; tenham as mesmas atitudes do Teu Filho durante a vida terrena:

Misericórdia com os pecadores, procura dos excluídos, amor aos pobres, coragem da verdade, perseverança nas dificuldades, confiança no Pai.

Abençoa, ò Mãe, a nossa diocese (Bispo, Padres, seminaristas Irmãs, Leigos) e ajuda-nos a sermos todos discípulos e missionários do teu Filho. Amém.