Fase II

COXIM PARÓQUIA

Em 1939, com Decreto de Dom Vicente B. Maria Priante, Bispo de Corumbá, Coxim passou à condição de Paróquia. Sua administração foi confiada aos Padres Franciscanos de Campo Grande. E no dia dez de março do mesmo ano, o FreiEucário Schmitt O.F.M., então Comissário Provincial da Ordem, tomou posse como primeiro Pároco de Coxim. Como Vigários Cooperadores, vieram os Freis: EngelbertoRaab e ValfridoStahle.

É interessante fazer memória do relato, que está no livro – tombo:”Coxim tinha perto de 700 habitantes e a Paróquia toda cerca de 15.000 pessoas. Havia muitas fazendas e existia neste território uns oito povoados maiores, com Capelas próprias, escolas e até luz elétrica. A sede tinha uma bela igrejinha com grande altar de pedra sobre o qual havia uma estatua de São José, padroeiro da Paróquia.

Mais tarde, construí-se uma torre, com três sinos. Tinha dois altares laterais, um dedicado a Nossa Senhora das Graças e outro a Santa Terezinha.

O povo ficou muito contente. O Prefeito pagou adiantado a pensão do padre durante o primeiro mês e arranjou uma pequena, mas nova casa para a residência do padre. Mas já no ano seguinte os Franciscanos construíram uma residência própria o zelador da Igreja era o Senhor João Ferreira.

O Frei Eucário ficou pouco Pároco, a causa do cargo de comissário.

Então o segundo Pároco foi o Frei Francisco Brugger (1939 a 1942). Ele teve como cooperador o Frei Canuto Amann. Neste período, temos que registrar a tentativa – 1940 – de levar a Paróquia para Rio Verde de MT.

Terceiro Pároco – Foi Frei ElisárioWangler (de abril de1942 a fevereiro de1943). O Frei Francisco Brugger ficou com Vigário cooperador. Mas o Frei Elisário ficou pouco, porque no dia 23 de fevereiro de 1943 faleceu.

Quarto Pároco – Foi de novo, o Frei Francisco Brugger (1942 a 1946) Vigário cooperador, neste período foi o Frei Saturnino Benzing. O Bispo de Corumbá em Visita Pastoral no ano de 1944, notou “relaxamento na Freqüência á missa dominical e na freqüência dos Sacramentos”.

Em 1946, a casa religiosa é fechada e a residência vendida. Mas os Franciscanos de Campo Grande continuam a atender. Até 1949 Frei Leandro Schabel atendeu.

Coxim ficou anexa a Paróquia São Francisco de Campo Grande.

Em 1950, o Frei Eucário Schmitt, Pároco de São Francisco, foi encarregado também de Coxim.

Fizeram visitas em Coxim nos anos 1951 e 1952 o Frei Cipriano Bassler e nos anos 1953 e 1955 o Frei Otaviano Hirt.